Dra. Graça Matos participa de Seminário: Produção Familiar e Cooperativismo em Nova Ipixuna.
Comunicações

Dra. Graça Matos participa de Seminário: Produção Familiar e Cooperativismo em Nova Ipixuna.


Foi realizado no dia 20 de dezembro/2017 na Sede Social do Sindicato dos Trabalhadores, Agricultores e Agriculturas Familiares do Município de Nova Ipixuna (STR/Nova Ipixuna).


Categoria: Notícias da Secretaria de Desenvolvimento Econômico
Publicado em: 22/12/2017

O SEMINÁRIO foi promovido pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Pará (FETAGRI/PA e Regional Sudeste do Pará) e pela Federação das Cooperativas da Agriculrura Familiar do Sul do Pará (FECAT) e contou com o apoio do STR/Nova Ipixuna ; da Cooperativa dos Trabalhadores de Nova Ipixuna e Região (Cooperativa CORRENTÃO); e da Prefeitura Municipal de Nova Ipixuna (PMNI) e teve como OBJETIVO debater as temáticas relacionadas ao processo de agro-industrialização e agregação de valor aos produtos da Agricultura Familiar, buscando fortalecer as parcerias locais, principalmente, em relação ao “Cooperativismo Solidário”.

A programação foi à seguinte:

 

SEMINÁRIO: Produção Familiar e Cooperativismo.

PROGRAMAÇÃO

09:00

AS LUTAS E CONQUISTAS DOS ÚLTIMOS 40 ANOS NA REGIÃO.

A história e estratégia do Cooperativismo Regional – FECAT.

FACILITADOR: Milton Zimmer – Presidente/FECAT.

10:00

A SITUAÇÃO ESTRUTURAL E FINANCEIRA DA COOPERATIVA CORRENTÃO.

FACILITADORES: Antonio de Almeida Pereira – Presidente/Cooperativa CORRENTÃO.

João Batista Delmondes – Presidente STR/Nova Ipixuna. José Pereira de Almeida – Ex-presidente/Cooperativa CORRENTÃO.

11:00

 OS DESAFIOS E PERSPECTIVAS DA COOPERATIVA CORRENTÃO NA ORGANIZAÇÃO, BENEFICIAMENTO E COMERCIALIZAÇÃO DA PRODUÇÃO FAMILIAR MUNICIPAL.

Participação, apoio e fortalecimento do cooperativismo regional.

FACILITADORES: João Batista Delmondes - Presidente do STR/Nova Ipixuna.  Antonio de Almeida Pereira/Presidente da Cooperativa CORRENTÃO. Eduardo Rodrigues da Silva - Secretário Municipal/SEMUDE. José Pereira de Almeida – Ex-presidente da Cooperativa CORRENTÃO.

 

13:30

O PAPEL DA PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA IPIXUNA, DO STR/NOVA IPIXUNA, DA COOPERATIVA CORRENTÃO E FCAT NA LEGALIZAÇÃO DOS PRODUTOS PRODUZIDOS ARTESANALMENTE NO MUNICÍPIO DE NOVA IPIXUNA.

FACILITADORES: Maria da Graça Medeiros Matos/Prefeita Municipal. João Batista Delmondes/Presidente do STR/Nova Ipixuna. Antonio de Almeida Pereira/Presidente da Cooperativa CORRENTÃO. Milton Zimmer/Presidente da FCAT.

 

A mesa de abertura foi composta pelas instituições executoras do evento, bem como pelas instituições apoiadoras do evento.

 

NO 1º PONTO DA PAUTA foi apresentado pelo Sr. Milton Zimmer – Presidente da FECAT que abordou o tema “AS LUTAS E CONQUISTAS DOS ÚLTIMOS 40 ANOS NA REGIÃO. A HISTÓRIA E ESTRATÉGIA DO COOPERATIVISMO REGIONAL – FECAT”. Que fez o seguinte relato que o histórico de início do Cooperativismo aconteceu em 1844, na Inglaterra, com a fundação da primeira cooperativa e em seguida foram apresentadas as Cooperativas que até hoje estão em funcionamento no Brasil e no Estado do Pará e foi realizado um relato das Cooperativas Agropecuárias na Região de Carajás, onde no ano foi fundada a COOCAT – Cooperativa Agropecuária do Araguaia Tocantins que envolveu 6 municípios dentre eles o município de Nova Ipixuna. No ano de 1998 foi constituída a Cooperativa CORRENTÃO. Dando continuidade aos trabalhos foi apresentado o Perfil das Cooperativas e o Cooperativismo na Contra Mão? Na Região de Carajás. Foram apresentadas as Perspectivas desafios da Caminhada e finalizado com a Missão do Cooperativismo na contribuição e no crescimento socioeconômico dos cooperad@s, oferecendo-lhes oportunidades de crescimento de forma solidária e participativa.

 

NO 2º PONTO DA PAUTA TEVE como tema “A SITUAÇÃO ESTRUTURAL E FINANCEIRA DA COOPERATIVA CORRENTÃO” tendo como facilitadores os Senhores: Antonio de Almeida Pereira – Presidente/Cooperativa CORRENTÃO. João Batista Delmondes – Presidente do STR/Nova Ipixuna. José Pereira de Almeida – Ex-presidente/Cooperativa CORRENTÃO. Em síntese foi dito o seguintes pelos facilitadores: a) A Cooperativa CORRENTÃO está toda legalizada. b) As certidões estão todas regulares. A câmara fria está sem funcionamento a 7 anos. c) A câmara fria terá que ser reformada. d) Será preciso uma analise de um técnico para fazer o levantamento dos reparos necessários a serem feitos na câmara fria. e) Devido o alto custo para funcionalidade da Cooperativa CORRENTÃO que se mudas da área urbana para a área rural, onde a energia tem um menor valor/R$. f) Como não havia atividades produtivas não foram realizados os registros dos produtos/polpa produzidos pela instituição. g) O caminhão está em funcionamento. h) Foi solicitado para a SAGRI hoje SEDAP adoção do trator e seus implementos para a Cooperativa CORRENTÃO o que não foi aceito e hoje através de uma articulação política foi repassados para a Prefeitura de Nova Ipixuna. Mas o trator na sua funcionalidade sempre foi um problema para instituição, pois apresentava sempre saldo negativo, ficou uma divida de R$ 8.000,00 que foram pagas pelos serviços realizados. i) A Merenda Escolar a instituição está atendendo a demanda contratual e está dando bons resultados. Hoje a instituição tem um saldo bancário de R$ 35.000,00. Em seguida após a apresentação dos facilitadores foi passada a palavra para o plenário do evento que foi dito em síntese que a Cooperativa CORRENTÃO tem condições de vim a operar a produção, beneficiamento e comercialização de polpas de frutas tanto para o mercado local como intra-municipal e estadual.

 

NO 3º PONTO DA PAUTA teve como tema “OS DESAFIOS E PERSPECTIVAS DA COOPERATIVA CORRENTÃO NA ORGANIZAÇÃO, BENEFICIAMENTO E COMERCIALIZAÇÃO DA PRODUÇÃO FAMILIAR MUNICIPAL este ponto da pauta teve como facilitadores: João Batista Delmondes - Presidente do STR/Nova Ipixuna. Antonio de Almeida Pereira/Presidente da Cooperativa CORRENTÃO. Eduardo Rodrigues da Silva - Secretário Municipal/SEMUDE. José Pereira de Almeida – Ex-presidente da Cooperativa CORRENTÃO.

 

NO 4º PONTO DA PAUTA teve como temática “O PAPEL DA PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA IPIXUNA, DO STR/NOVA IPIXUNA, DA COOPERATIVA CORRENTÃO E FECAT NA LEGALIZAÇÃO  DOS PRODUTOS PRODUZIDOS ARTESANALMENTE NO MUNICÍPIO DE NOVA IPIXUNA. Este ponto da pauta teve como facilitadores: Maria da Graça Medeiros Matos/Prefeita Municipal. João Batista Delmondes/Presidente STR/Nova Ipixuna. Antonio de Almeida Pereira/Presidente Cooperativa CORRENTÃO. Milton Zimmer/Presidente FCAT. Em síntese foi dito o seguinte: a)  “Que a prefeitura está de portas abertas tanto para a FETAGRI, FECAT, STR/Nova Ipixuna e Cooperativa CORRENTÃO e que a atual gestão municipal que ver a Cooperativa CORRENTÃO em plena atividade e coloca o Sr Eduardo/Secretário/SEMUDE juntamente com os servidores das secretarias municipais de seu governo para a plena conclusão da missão que está ser formalizado, no momento”. b) o STR/Nova Ipixuna está desde o primeiro momento na discussão da constituição da Cooperativa CORRENTÃO e agora a sua revitalização irá benefciar os agricultores familiares do município e região. c) A EMATER/Nova Ipixuna sempre desenvolveu atividades de parcerias, tanto com a prefeitura com as instituições dos movimentos sócias e se compromete em contribuir com a missão de revitalização da Cooperativa CORRENTÃO. e) A Cooperativa CORRENTÃO irá colocar como atividade principal a discussão da revitalização da Cooperativa CORRENTÃO. Em sguida foi formada/constituída que ficará resposavel de organização toda e qualquer discussão sobre a temática/missão da instuição. A comissão ficou a assim formada: Coordenação – Antonio de Almeida Pereira/Presidente da Cooperativa CORRENTÃO. Membros: João Batista Delmondes – Presidente do STR/Nova Ipixuna. Eduardo Rodrigues da Silva – Secretário Municipal/SEMUDE. Cladean – Técnico Agrícola EMATER/Nova Ipixuna. Milton Zimmer – Presidente/FECAT.

 

No final do evento foi aprovada por unanimidade a data, o local e horário da 1ª reunião da Comissão para revitalização da Cooperativa CORRENTÃO, sendo: dia 12 de janeiro, na Sede Social do STR/Nova Ipixuna, as 09:00, para apresentação do levantamento dos grupos de produção. Não havendo nada mais a tratar a coordenação do evento deu por encerrados os trabalhos.



Imagens relacionadas a matéria
  • Imagens relacionadas
  • Imagens relacionadas
  • Imagens relacionadas
  • Imagens relacionadas
  • Imagens relacionadas
  • Imagens relacionadas
  • Imagens relacionadas